Brasileiros vencem o Nasa Space Apps Challenge 2019

Por APDZ 6 de fevereiro de 2020

Cinco brasileiros superam concorrentes de 83 países numa competição da NASA e vão para os EUA apresentar o projeto que fizeram para cuidar de oceanos.

Os estudantes brasileiros, Antônio Rocha, Genilson Brito, Pedro Dantas, Ramon Santos e Thiago Barbosa, naturais da Bahia, que batizaram a equipe Brazuca de Cafeína, venceram o maior Hackathon do mundo, promovido pela Nasa, o Nasa Space Apps Challenge 2019 e agora vão conhecer a sede da entidade nos Estados Unidos.

O projeto dos rapazes, que têm entre 18 e 23 anos superou 2.076 projetos de 230 cidades de 83 países e foi uma das seis ideias premiadas na competição.

É sempre uma conquista para educação tecnológica brasileira quando equipes que residem e estudam no país conseguem alçar voos baseadas nos projetos que são pensados utilizando problemas reais em nosso país.

Utilizar tecnologia como mais uma ferramenta para solucionar problemas e construir opções viáveis para determinados cenários se enquadra no que chamamos de educação 4.0, onde temos alunos cada vez mais ativos, mais curiosos, mais makers, que integram diversas ciências e saberes distintos com foco em problemas reais.

A APDZ incentiva seus parceiros e toda comunidade educacional a implementar uma educação que tenha como base o incentivo a curiosidade, a pesquisa, a descoberta, que disponibilizem a seus estudantes ferramentas facilitadoras deste processo.

Por esse motivo, investimos em metodologias educacionais que incentivam estes alunos, em tecnologias de ponta que atuam como facilitadoras neste processo, oferecendo a todas as instituições interessadas formas de se trabalhar uma educação voltada para o futuro.